Como criar um Plugin para WordPress do zero part 2

Want create site? Find Free WordPress Themes and plugins.

Para você que caiu de paraquedas direto em – Como criar um Plugin para WordPress do zero part 2 talvez queira ler o primeiro tutorial – Como criar um Plugin para WordPress do zero part 1

Colocando tudo em prática

Muita teoria e pouca ação, vamos colocar todo esse conhecimento que acabamos de adquirir em prática. Vamos construir um plugin simples que acompanha a popularidade de nossos posts, armazenando a quantidade de vezes cada post foi visualizado. Eu estarei usando Hooks (ganchos), que abordaremos mais a frente. Até então, contanto que você entenda a lógica por trás dos hooks, está tudo bem.

Planejando o futuro do nosso Plugin

Isso é o que precisaremos para o nosso plugin:

Antes de escrever qualquer código, vamos tentar determinar as funções que nosso plugin irá precisar.

  1. Uma função que registra uma visualização cada vez que uma postagem individual é mostrada;
  2. Uma função que nos permite recuperar o número das visualizações;
  3. Uma função que nos permite mostrar o número de pontos de visualizações para o usuário;
  4. Uma função que recupera uma lista de mensagens com base em sua contagem de visualizações;

Preparando as nossas funções

O primeiro passo é criar a estrutura de pastas e arquivos. Vamos para a pasta plugins e criaremos uma nova pasta chamada wppub-views. Nesta pasta, crie um arquivo chamado wppub-views.php. Abra o seu novo arquivo e cole alguns dados do manifesto do plugin, algo como isto:

 

Gravando a quantidade de Visitas do Artigo

Sem aprofundarmos muito, hooks no WordPress permitem que você (entre outras coisas) enganche funcionalidades em funções sempre que outra função no WordPress é executado.

Resumindo com os hooks (Ganchos) do WordPress você pode enganchar suas funções dentro de determinadas funções no WordPress ou até mesmo criar seus próprios Hooks (Ganchos) que serão executados junto com o tema.

Então, se podemos encontrar uma função que é executada sempre que uma postagem individual é visualizada, nós estamos prontos para escrever a nossa própria função que registra o número de pontos de visualização. Antes de chegarmos a isso, porém, vamos escrever nossa função. Aqui está o código:

Como você pode ver, eu adicionei documentação ao estilo phpDocumentor para o início da função, e esta é uma boa indicação do que esperar desta convenção. Primeiro, usando uma tag condicional if(is_single()) , que determinar se o usuário está visualizando um post em uma página single (dedicada) a famosa página do post completo.

Se o usuário estiver em uma página single e que recuperar o objeto $post com os dados sobre o post que está sendo mostrado (ID, título, data de lançamento, a contagem de comentário, etc.). Nós, então, recuperamos o número de visualizações que o post teve. Nós vamos adicionar 1 a este valor e em seguida substituir o valor original por um novo.

No caso de algo der errado, nós primeiro verificamos se a contagem atual de visualizações é o que deveria ser.
A contagem atual de visitas deve ser definida e não pode ser vazio. E deve ser um número inteiro, para que possamos adicionar 1 a ele. Se ele não atender a esses critérios, então poderemos afirmar com segurança que a contagem atual de visualização é 0. Caso o valor seja um número inteiro adicionamos 1 para salvá-lo para no banco de dados e finalmente, retornamos o número de visitas que o post teve.

Mas claro que essa função nunca vai ser chamada no wordpress, por enquanto ela não faz nada e por isso precisamos dos hooks (ganchos).

Um gancho é chamado no wp_head(), que é executado pouco antes da tag do HTML . É a função do WordPress presente na maioria dos temas, por isso, podemos definir a nossa função para ser executada sempre no wp_head() assim:

Não se esqueça de adicionar esse código acima em seu arquivo php.

Isso é tudo que existe sobre o “misticismo” de ganchos. Estamos basicamente dizendo, sempre que é executado wp_head(), também será executado a função awepop_add_view. Você pode colocar o código antes ou depois da própria função.

Recuperando o número de visualizações

Na função acima, já usamos get_post_meta WordPress() função para recuperar os pontos de visualizações, assim que escrevermos uma função separada para recuperar as visualizações, ela parecerá um pouco redundante. Neste caso, poderemos ser redundantes, o que nos dá maior flexibilidade ao desenvolver ainda mais o plugin orientada a objetos.

Vamos dar uma olhada:

 

Este é o mesmo pedaço de código que usamos na função awepop_add_view(), então você pode simplesmente usar isso para recuperar a visualização e conta-la também.
Até agora, temos apenas recuperado a contagem de visitas. Agora, vamos exibi-las. Você pode estar pensando que isso tudo o que precisamos é da um echo() no awepop_get_view_count. Isso certamente funcionaria, se houvesse apenas uma visita. Neste caso, seria preciso usar o termo singular “visita”, Mas provavelmente você também quer ter a liberdade de adicionar algum texto à esquerda ou algum outro termo, o que seria difícil fazer somente com um echo(). Assim, para permitir a esses cenários, vamos escrever outra função simples:

 

Exibir a lista de Posts com base nas visualizações

Para mostrar uma lista dos posts baseados na contagem de visitas, nós criamos uma função que podemos colocar em qualquer lugar em nosso tema. A função utiliza uma consulta personalizada e percorrer os resultados, mostrando em uma lista de títulos simples. O código está abaixo, e a explicação seguinte.

 

Começamos passando parâmetros para a classe WP_Query, a fim de criar um novo objeto que contém alguns posts. Esta classe vai fazer o trabalho pesado para nós: ele encontra 10 posts publicados que têm awepop_views na tabela meta, e ordena-los de acordo com esta propriedade em ordem decrescente.

Se os posts cumprirem este critério, criamos um elemento chamado de lista desordenada

    . Então, nós percorremos todos os posts que temos, mostrando cada título com um link para o post relevante.

Colocamos a função awepop_popularity_list() em qualquer lugar em seu tema agora ele deve gerar uma lista simples de mensagens ordenadas por popularidade.

Qualquer lugar significa abrir o arquivo do seu tema como por exemplo o index.php  e colar a função:

Como precaução adicional, colocamos a chamada para esta função em seu tema, assim:

Isso garante que se o plugin está desativado (e que a função continue indefinida) Ele só não vai mostrar a lista de posts mais populares.

Visão global

Seguindo a teoria previsto neste artigo e usando apenas algumas funções, nós criamos um plugin rudimentar para rastrear os nossos posts mais populares. Pode ser amplamente melhorado, mas mostra os conceitos básicos do uso de plugins perfeitamente. Além disso, você aprendeu alguns padrões de desenvolvimento WordPress (plugins, hooks (ganchos) e etc.).

Muito obrigado pela atenção.

Did you find apk for android? You can find new Free Android Games and apps.

Sobre o autor

João Fagner

Copyright © 2015. Wordpresspub